Pronatec

Pronatec

A Secretaria da Educação está ampliando as oportunidades de qualificação profissional e educação integral dos estudantes da Rede por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico (Pronatec). O Estado foi habilitado pelo Ministério da Educação (MEC), no segundo semestre de 2012, para ofertar o programa, recebendo R$ 15.894.000,00 de investimentos. Só agora em 2013, serão ofertadas 36 mil novas vagas.

As vagas são destinadas a estudantes do 2º e 3º ano do ensino médio ou do Eja Médio (tempos formativos VI e VII) da Rede Estadual de Educação que fazem os cursos no turno oposto aos quais estão matriculados. Os cursos ofertados nas modalidades técnico de nível médio e de Formação Inicial e Continuada (FIC) representam a introdução da dimensão trabalho no ensino médio.
 

 

O número de cursos de formação profissional ofertados chega a 180. E objetivando interiorizar cada vez mais a Educação Profissional, beneficiando jovens e trabalhadores de pequenos municípios com as demandas geradas pelo desenvolvimento socioeconômico e ambiental do Estado, já são 133 municípios beneficiados com o Pronatec em todos os 27 territórios de identidade da Bahia.

Na Bahia, o Pronatec é executado pela Secretaria de Educação, que é ao mesmo tempo entidade demandante e ofertante do programa, por meio da Superintendência de Educação Profissional (Suprof). As instituições parceiras são: Senar, Senai, IFba, Senac, Senat e IFbahiano.

Os cursos FIC Pronatec ofertados pela Rede Estadual de Educação Profissional estão vinculados com os cursos técnicos já desenvolvidos e além da dimensão técnica, se trabalha também questões como a compreensão da ocupação, direitos, ética e a organização social e do trabalho. E dentre estes cursos estão: Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Contabilidade, Auxiliar de Laboratório de Entomologia Médica, Auxiliar Técnico em Agropecuária, Agente de Combate às Endemias, Agente de Informações Turísticas, Agente Comunitário de Saúde, Agente de Desenvolvimento Socioambiental, Atendente de Nutrição, Costureiro, Cuidador de Idoso, Desenhista da Construção Civil, Iluminador Cênico, Padeiro Confeiteiro, Recepcionista de eventos, programador Web e Viveirista de Plantas e Flores.

A perspectiva com essa ação estratégica do Governo do Estado em parceria com o Governo Federal é gerar maiores oportunidades para que jovens e trabalhadores reforcem o atendimento às demandas como o Porto Sul, Vida Melhor (Urbano e Rural), Copa 2014 e das políticas de interiorização estaduais de saúde, agricultura, trabalho, esporte e cultura, além de demandas territoriais específicas.
 

2011 | Todos os direitos e conteúdos deste Portal são de uso compartilhado